04/01/2022

Avanços na agenda ESG na B3 em 2021

Confira as principais iniciativas realizadas em 2021 nas áreas de governança, social e ambiental.

Compromissos cumpridos

Encerramos um ano de realizações estratégicas, previstas na Meta Corporativa ESG para 2021. Com ela, abordamos de nossa agenda interna ao engajamento de stakeholders e fomento de produtos e serviços ESG. Como resultado, implementamos 100% das iniciativas previstas. Foram 31 ações distribuídas por diversas áreas da companhia. Esse movimento atendeu nossos três pilares estratégicos de sustentabilidade e o Plano Tático ESG 2021 da Bolsa do Brasil.

 

Evolução no ISE e ICO2

Este ano, o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE B3) passou a incorporar os resultados dos relatórios de carbono das organizações participantes. A nova metodologia do índice, que seguirá amadurecendo em 2022, também direcionou os temas ESG mais relevantes para cada setor da economia. Com isso, o índice ficou ainda mais alinhado aos principais padrões internacionais de apresentação de resultados de gestão sustentável.

O Índice de Carbono Eficiente (ICO2 B3), por sua vez, ganhou ainda mais força como indutor das discussões de mudança do clima no Brasil. Por meio de suas carteiras, o índice B3 coloca luz sobre as companhias que conhecem seus impactos e antecipa a visão daquelas que buscam alternativas para mitigá-los.

Confira os principais resultados de 2021:

ISE B3

  • 132 empresas participantes – 55% a mais do que em 2020
  • 73 empresas elegíveis à carteira do índice
  • 59 empresas realizaram o simulado para conhecer seu desempenho ESG e receberam uma radiografia de como estão em relação às companhias que participam do índice

ICO2 B3

  • 71 empresas participantes – 18% mais do que em 2020
  • 11 novas empresas aderiram ao Índice
 

Registro de títulos temáticos ESG na B3

Demonstrando que o mercado cada vez mais cobra e incorpora a estratégia ESG aos negócios, as emissões de títulos atreladas a metas sustentáveis mantêm uma rota de expansão. Esses títulos estão presentes na plataforma de negociação Trader da B3, desde novembro de 2018.

O valor total emitido somou R$ 26,2 bilhões, com 104 instrumentos registrados em 2021 (até novembro), sendo:

  • 68 debêntures
  • 24 certificados de recebíveis do agronegócio (CRA)
  • 4 cotas de fundos fechadas (CFF)
  • 8 certificados de recebíveis imobiliários (CRI)

 

Índice com as melhores empresas em ambiente de trabalho

Lançamos o primeiro índice no mundo a utilizar o critério de excelência em gestão de pessoas na seleção das empresas, o Índice GPTW B3. O produto fortalece o portfólio da B3 de índices fundamentados em práticas sustentáveis e foi criado em parceria com o Great Place do Work. A primeira edição acontece em 2022.