22/10/20

Negociação eletrônica de empréstimo de ativos

A negociação eletrônica de empréstimos de ativos estará disponível a partir de 26/10

A negociação eletrônica de empréstimos de ativos estará disponível a partir de 26/10. Além das corretoras, gestores também poderão atuar diretamente nesse mercado utilizando a plataforma web (tela) ou API (Application Programming Interfaces).

O modelo da plataforma foi construído junto com o mercado, com o objetivo de trazer mais transparência, melhor formação de preço, liquidez e ganho de eficiência nas negociações do dia a dia.

Durante o desenvolvimento do projeto, foram incorporadas várias melhorias operacionais nas diferentes etapas dessa atividade. As novidades incluem, por exemplo, contrato padronizado na negociação em tela, renovação automática, liquidação pelo saldo multilateral na contratação do empréstimo, negociação com liquidação em D0 ou D+1 e possibilidade de uso de conta Master, entre outras.

Os ativos disponíveis para negociação são ações, units, cotas de fundos de índices (ETFs) e recibos de depósito de valores mobiliários de empresas estrangeiras, os BDRs. Em breve, serão disponibilizados outros ativos. Além de administradora, a B3 atua como contraparte central nas operações, garantindo a devolução dos ativos a seus donos ao término do contrato.

Mais informação para a tomada de decisão

Para padronizar a troca de informações entre o buy-side e o sell-side, criamos um novo fluxo de mensagens e uma tela no iMercado com dados de contratos gerados, corretagem e valores a liquidar. Para as instituições que já têm permissão para utilizar nossos sistemas de negociação, o acesso não será alterado.

Negociação

A negociação eletrônica é feita no sistema via plataforma web ou API. Ao contratar o serviço, a instituição pode ajustar suas preferências, salvar carteiras e aplicar filtros para ganhar agilidade na negociação.

  • Plataforma de negociação web – Permite fazer negociações hit and take, em que o doador e o tomador inserem as suas ofertas no book de negociação ou escolhem uma oferta já disponível para fechar o negócio. Não há fechamento automático. Tudo sem a necessidade de desenvolvimento de sistema, reduzindo seus investimentos em TI.
  • API de empréstimo de ativos – Possibilita consultas ao market data (cotações) e o roteamento de ofertas. Antes disponíveis apenas para gestores e fundações, a conexão via API agora pode ser feita também por vendors (provedores de serviços) e outras instituições que queiram desenvolver e integrar seus sistemas aos da B3.

Vale lembrar que a negociação no balcão será mantida.

Para saber mais sobre a plataforma, veja o tutorial com o passo a passo no Material de Apoio do projeto.

Para mais informações, entre em contato com seu RM.